quinta-feira, abril 21, 2011

Adele e a beleza da tristeza



Adele é assim, canta com o coração partido, apenas piano, voz e emoção.
E que voz, chega lembrar em certos momentos Cat power mas, acho que não cabe comparações.
Uma música triste, uma lindissima voz e nós...
Como diria Vinicius:
É claro que a vida é boa
E a alegria, a única e indizível emoção.
É claro que te acho linda
E em ti bendigo o amor das coisas simples
É claro que te amo
E tenho tudo para ser feliz
Mas acontece que eu sou triste...
Dialetica: Vinícius de Moraes

Um comentário:

  1. Também adoro Adele - é tão bonito, e tão intenso! Abraços.

    ResponderExcluir